Concurso Ministério das Comunicações para 119 vagas de nível superior

Posted on

image|concurso-ministerio-comunicacoes

Concurso Ministério das Comunicações

O concurso para o Ministério das Comunicações será para a contratação temporária de 119 Técnicos de Nível Superior. Desse total, sete vagas serão para pessoas com deficiência.

Distribuição das vagas

As oportunidades serão distribuídas entre atividades técnicas de suporte – nível III – especialidades I, II, III, IV, V, VI, VII, VIII, IX, X e XI do projeto "Redução de Estoque de Processos de Radiodifusão"; especialidades XIII, XIV e XV para o projeto "Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações"; especialidade XVI para o projeto "Sistema Alerta de Emergência"; especialidades XVII, XCIII, para o projeto "Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga"; atividades de complexidade intelectual – nível IV – especialidade XII para o projeto "Cidades Digitais"; especialidades XVIII e XIX, para o projeto "TV Digital", especialidade XX para o projeto "Lançamento do Satélite Brasileiro", especialidade XXI para o projeto "Sistema Unificado de Informações sobre Telecomunicações". Além disso, haverá oportunidades paraatividades técnicas de suporte – nível III – especialidades XXII e XXIII e atividades de complexidade gerencial – nível V – especialidades XXIV e XXV, sem estar ligadas a projetos.

Pré-requisitos dos candidatos

Para concorrer aos cargos destinados às atividades técnicas de suporte – nível III o candidato deve possuir graduação em Direito, Ciências Contábeis, Engenharia e Administração. Já para as funções destinadas às atividades de complexidade intelectual – nível IV, o candidato deve ter graduação em Administração, Informática, Ciências Sociais Aplicadas, Economia, Direito e Arquivologia.

Os interessados nas vagas de complexidade gerencial – nível V, por sua vez, devem ter graduação em Administração, Engenharia, Direito, Ciências Contábeis, Arquivologia, Engenharia, Economia e Estatística. Por fim, para as vagas não ligadas a projetos o candidato pode possuir graduação em qualquer área (especialidade XXII), Arquivologia, área de Humanas (especialidade XXIV) e ainda, na área de Tecnologia da Informação (especialidade XXV).

Remuneração

As remunerações serão de R$ 8.300,00 para as especialidades XI, XXIV e XXV, de R$ 6.130,00 para as especialidades VI, VII, VIII, IX, X, XII, XVII, XVIII, IXI, XX e XXI e de R$ 3.800,00 para as demais. Em comum, todos os profissionais terão jornada semanal de 40h.

Incrições para o concurso do MC

Para concorrer bastará realizar inscrição de 17 de junho a 8 de julho pelo endereço eletrônico www.cespe.unb.br, com taxas de R$ 85,00 para nível III, R$ 100,00 para nível IV e R$ 110,00 para nível V. Mas só poderão solicitar isenção de pagamento candidatos que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), de que trata o Decreto nº 6.135, de 26 de junho de 2007; e que sejam membros de família de baixa renda, nos termos do Decreto nº 6.135, de 2007.

Etapas do concurso do MC

A previsão é de que haja prova objetiva de conhecimentos básicos (P1) e conhecimentos específicos (P2), com 50 e 70 questões respectivamente, na data prevista de 18 de agosto, na parte da tarde. O local, horário e dia das avaliações serão divulgados em 5 de agosto no Diário Oficial da União. Mas o candidato deve, obrigatoriamente, acompanhar as informações do certame no site do concurso.

O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) será o responsável pela seleção.

Fonte: www.in.gov.br.



Link Quebrado?