PRF diz que lançará edital nos próximos dias. Será?

Posted on

Concurso da prf edital proximoA diretora-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Maria Alice Nascimento, afirmou no último sábado, dia 20, em sua página no Facebook, que o edital do concurso para mil vagas de policial rodoviário federal será divulgado nos próximos dias. O cargo é aberto a homens e mulheres que possuam o ensino superior completo em qualquer área, além da carteira de habilitação, na categoria B ou superior. A remuneração inicial é de R$6.479,81. Antes de divulgar o edital, no entanto, a PRF precisa definir a organizadora da seleção. Segundo o chefe da Divisão de Concursos do órgão, Cidenor Guerra, estão sendo analisadas as propostas de três instituições, todas elas com experiência em concursos nacionais e também para a área de segurança pública.
Com a declaração da diretora-geral do departamento, cresce a expectativa de que a organizadora seja escolhida muito em breve. No último dia 16, o próprio Guerra já havia dito que a pretensão da PRF é divulgar o edital já no mês de maio, embora o prazo para isso vá até outubro. Os novos policiais rodoviários federais serão lotados, prioritariamente, nas regiões de fronteira, que abrangem 11 estados: Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima, Pará, Amapá, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Os convocados irão escolher, obedecendo a ordem de classificação, entre as vagas remanescentes do processo de remoção interna de servidores que a PRF realizará, sendo necessário permanecer, no mínimo, três anos na lotação inicial.
As contratações serão pelo regime estatutário, que proporciona estabilidade, e os concursados ainda farão jus a benefícios como o auxílio-alimentação, de R$373, já incluído na remuneração informada. A carga de trabalho é de 40 horas semanais, mas, em geral, utiliza-se o esquema de plantão, de 24 por 72 horas. A carreira já conta com reajuste acertado para 2014 e 2015, com a remuneração inicial passando para R$6.791,25 e R$7.092,91, respectivamente (já com o auxílio). Também está em discussão, no Congresso Nacional, a criação de uma indenização de R$91 por dia trabalhado (livre de impostos), para policiais rodoviários federais e servidores de outras carreiras lotados em regiões de fronteira. Sendo implementada, a indenização poderá ampliar os ganhos mensais em até R$2 mil, aproximadamente, com a remuneração inicial podendo chegar, portanto, a cerca de R$8,5 mil.
Provas – De acordo com Cidenor Guerra, da Divisão de Concursos, dependendo de quando o edital for divulgado, as provas deverão ser aplicadas no fim de julho ou em agosto. Como já havia confirmado o coordenador-geral de Recursos Humanos da PRF, Adriano Furtado, as provas serão aplicadas em todas as capitais. Às etapas do concurso anterior (prova objetiva, redação, avaliação psicológica, avaliação de saúde, curso de formação profissional e investigação social), será acrescida prova de títulos, com pontuação pequena, segundo o responsável pelo setor de concursos. Serão ainda elevados índices do exame de capacidade física.
O departamento quer concluir toda a primeira etapa da seleção ainda este ano, deixando apenas o curso de formação (segunda etapa), para o primeiro semestre de 2014. A meta é contar com os novos policiais já durante a Copa do Mundo, que será disputada de junho a julho do ano que vem. A última seleção foi aberta em 2009, para 750 vagas, e atraiu mais de 110 mil inscritos em todo o país. A seleção ficou paralisada por mais de dois anos, após descoberta de fraude no resultado das provas objetivas, sendo concluída no fim do ano passado.

Fonte: Folha Dirigida

Link Quebrado?